Todos os Animais Merecem o Céu

Cada vez mais pessoas têm se interessado pelo que acontece com os animais na espiritualidade. Para sabermos mais um pouco sobre o assunto, conversamos com o autor Marcel Benedeti, que possui livros publicados sobre o tema pela Mundo Maior Editora.

Marcel Benedeti é médico veterinário especializado em homeopatia veterinária. Seu primeiro livro foi justamente Todos os Animais Merecem o Céu. Também é médium, mas esta obra especificamente não foi psicografada, mas sim resultado de uma extensa pesquisa. Além disso, Benedeti disse que foi convidado por sua mentora para ‘visitar’ o mundo espiritual, onde obteve informações que, para o plano terrestre, são inéditas, a respeito do que acontece com os animais do outro lado da vida e a interação com os seres humanos. Durante todo o processo de elaboração da obra, Marcel foi acompanhado pelo Espírito Francesco Vita que, por meio de psicografia, também assina a apresentação da obra.

A seqüência da obra veio com o livro Todos os Animais São Nossos Irmãos, também publicado pela Mundo Maior. Apresenta em detalhes o que acontece com os animais na espiritualidade; mostra a dor e o sofrimento dos animais de laboratório, do ponto de vista espiritual, assim como a existência de colônias espirituais nas quais as energias dos encarnados são elementos importantes para a recuperação dos animais enfermos.

Por Mário Suriani. Em 26/08/2005. Do site FEAL.

Por que todos os animais merecem o céu?

Os animais são a representação da simplicidade e pureza da criação Divina. Neles, não há corrupção, maldade, pensamentos premeditados que visem ao prejuízo por prejuízo de seu próximo. Jesus disse aos apóstolos que deixasse vir a Ele as crianças e que se fizessem também como elas, que eram puras de coração, pois era delas o Reino do céu. Os animais são como crianças: são puros de coração e por isso merecem o céu.

Os animais existentes no plano espiritual – como os cães de Nosso Lar – evoluem dali para encarnações em escala mais elevadas, ou voltam a Terra como cães mesmo?

Assim como ocorre conosco, os animais evoluem muito mais no plano físico, pois as experiências neste plano não podem ser comparadas com o que ocorre no plano espiritual, no qual ocorrem os sofrimentos que poderiam servir de meio de evolução, mas são sofrimentos morais. Este aprendizado seria mais adequado aos seres humanos e não aos animais, que necessitam mais de experiências físicas como encarnados. Por isso os animais necessitam muito da experiência física em outra espécie, exceto se estivessem em fases intermediárias entre duas espécies, isto é, se estiverem estagiando no plano espiritual como espíritos da floresta (esta fase evolutiva se dá no plano espiritual).

Você acredita que alguma espécie animal poderá algum dia superar o ser humano e dominar o planeta Terra?

Não. Isso não é possível, apesar de alguns cientistas considerarem os golfinhos e baleias como sendo mais inteligentes que os seres humanos. O estágio de humanidade é superior ao estágio de animalidade. Necessariamente, os animais precisam passar pela fase humana para se tornarem superiores ao que são. Kardec perguntou sobre animais em mundos superiores e o Espírito de Verdade respondeu que, nos mundos superiores, os animais continuam a ser submissos aos seres humanos e são como servidores inteligentes.

Do ponto de vista espiritual, quais os animais mais evoluídos?

Sem querer respondi no tópico anterior que os golfinhos e baleias são considerados mais inteligentes que os seres humanos por possuírem cérebro maiores, com maior número de neurônios e maior rapidez nas sinapses. Possuem três vezes mais neurônios, que respondem dezesseis vezes mais rápido que os nossos. Os elefantes também são muito inteligentes, assim como os bovinos, os eqüinos, os cães, os macacos antropóides (gorilas e chimpanzés).

Há alguma diferença em termos de evolução entre pássaros e aves, peixes e mamíferos, também no aspecto espiritual?

São fases evolutivas pelas quais passam todos os animais. A evolução começa em fases bem primitivas, passando por outras mais avançadas e, entre essas citadas, as mais primitivas são os peixes, depois as aves e, por último os mamíferos. Por terem passado por essas fases anteriores, os mamíferos são mais experientes e, por conseqüência, mais evoluídos do que as aves; e estas têm mais experiência do que os peixes. Estes últimos são os mais experientes do que todos os outros seres inferiores na escala animal.

O que você pensa a respeito da alimentação à base de carne? Você faz uso?

Deixei de me alimentar de carne já faz alguns anos, e me pego pensando como demorei para me dar conta do que fazia. Só deixei de me alimentar com carne (de que nunca fui muito admirador) quando parei para pensar o que era aquilo que eu levava à minha boca. Quando parei para pensar, foi imediato o meu repudio. Não consigo nem pensar em me alimentar de partes de outro animal. Acredito, baseado em minha experiência, que muitas pessoas ainda não deixaram de comer carne porque simplesmente não pararam para pensar no que estão fazendo.

O que você pensa da eutanásia aplicada nos animais?

Acredito que a eutanásia, como meio de aliviar o sofrimento que não se pode conseguir aliviar com os métodos terapêuticos convencionais, não seja errada, desde que seja feita de modo brando, através de uma prévia anestesia. Os sacrifícios de animais por quaisquer outros motivos são atitudes condenáveis e, certamente, responderemos e sofreremos por isso futuramente.

Há suicídio no mundo animal? Como se explica e quais as consequências?

Esse é um assunto extenso e demoraria um espaço de tempo muito grande. Ocorrem sim suicídios entre os animais em alguns casos, mas as conseqüências para eles não são as mesmas para os seres humanos. Não há um umbral para os animais que se suicidam, eles não criam uma atmosfera de energia que os atraia aos abismos do mundo espiritual. Em vez disso, são tratados com todo respeito por entidades espirituais preocupadas com sua evolução. O livro Todos os Animais São Nossos Irmãos explica em detalhes esses processos.

Uma das cenas mais cruéis que observamos contra os animais são aquelas em que matam touros aos poucos e sob aplausos da multidão. Isso demonstra que os países envolvidos nessas práticas são menos evoluídos?

Dizer que esse ou aquele país é mais ou menos evoluídos em função de um ou outro aspecto é temeroso, porque cada pessoa de cada país é um indivíduo, e acredito que não são todas as pessoas que se divertem com espetáculos como esses. Mas o fato de algumas se divertirem com o espetáculo de sangue não demonstra evolução moral ou espiritual de quem quer que seja. Estas não devem estar mais evoluídas do que estavam os antigos romanos, que se divertiam ao verem pessoas morrendo nas arenas.

Apesar de estar havendo uma maior preocupação com os animais, você não acha que há casos em que as pessoas se preocupam mais com os animais do que com os seres humanos?

Em tudo devemos nos vigiar quanto aos desequilíbrios. O fato de nos preocuparmos com a saúde e bem-estar dos animais é uma conseqüência de nossa evolução, mas não podemos nos esquecer de nossa própria espécie – não podemos nos esquecer de que também somos animais. É demonstração de evolução nos preocuparmos com os animais, mas também como nossa espécie, com a mesma vontade. Desprezar os animais não é legal, mas desprezar os elementos de nossa própria espécie em função dos animais também não é algo que nos indicaria desenvolvimento espiritual. Tornar-se misantropo não é indicativo de evolução, nem moral nem espiritual.

Você não acha que é um exagero o fato de já existir salão de beleza e produtos de estética para animais?

O convívio com os seres humanos é um aprendizado importante para os animais que estão próximos de nós, mas acho que sim. É um exagero tratá-los como humanos. Isso os confunde e faz com que percam sua identidade. Devemos tratá-los com carinho, mas sem exageros que possam prejudicá-los mais do que ajudá-los a evoluir. Eles devem conhecer o amor e o carinho, mas não deveriam ser confundidos com excessos que não lhes acrescentam nada em termos evolutivos.

Anúncios
Esse post foi publicado em Artigos e marcado . Guardar link permanente.

Uma resposta para Todos os Animais Merecem o Céu

  1. yohanna martich retta disse:

    Eu acredito em tudo….obrigada por me darem a chance de conhecer cada dia um pouco mais da doutrina.

Deixe-nos sua opinião, pois é muito importante para nós!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s