PENSAMENTOS CONSTRUTIVOS

Há toda uma literatura por aí, que fala da força do pensamento. Numa ótica espírita, podemos dizer que os pensamentos têm, em si mesmos, uma força intrínseca de atrair Espíritos em afinidade com eles. No entanto, o pensamento sozinho não é uma força a nosso favor. Ele só adquire força quando se torna fé e vontade. Isso significa que só realizamos ou conquistamos alguma coisa quando sentimos que podemos e sabemos exatamente o que queremos.

Agora, o fato é que, nem sempre na vida, sabemos o que queremos.

Às mais das vezes, sabemos o que não queremos, mas este pensamento pouco resolve. Saber o que não queremos nos mantém paralisados perante as alternativas.

Outras vezes, nós simplesmente pensamos que algo ou alguém deveria ser diferente, mas não nos sentimos em condições de fazer nada a respeito.

Há um hábito muito generalizado de acreditar nas chances contrárias. De pensar que os fatores adversos podem mais. De pensar que não somos bons o bastante, que não merecemos (pode até ser que não mereçamos, mas este pensamento não nos ajuda em nada). Estes pensamentos unidos à fé no fracasso são construtivos, também, mas constroem a enfermidade, a frustração e os impedimentos. Pois a força da fé e da vontade pode ser usada a nosso favor ou, se não soubermos usá-la, ela agirá contra nós. A persistência de pensamentos com qualidade específica se transmite ao nosso corpo através do perispírito, imprimindo estados de saúde ou doença, conforme o seu teor. É uma séria responsabilidade para conosco mesmos, que temos o costume de responsabilizar os outros, o clima ou os problemas pelo nosso mal estar.

Hoje em dia, a Ciência comprovou a realidade das curas através da fé e começa a estudá-las.

É um bom momento para pensarmos: o que é que temos construído com nossos pensamentos?…

Rita Foelker

Anúncios
Esse post foi publicado em Artigos. Bookmark o link permanente.

Deixe-nos sua opinião, pois é muito importante para nós!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s