MORTE DE BEBÊS NA VISÃO ESPÍRITA

1507726_923808944338227_4502648541475423832_n

“O que acontece com bebê que tem morte prematura?”

Embora passando por uma situação difícil necessário se faz que não percamos a fé em Cristo e em Deus, que não nos desampara nunca, e mesmo onde os homens enxergam a tragédia o Mestre nos mostra, ao final, uma oportunidade de crescimento e renovação.

O Livro dos espíritos trata de assuntos como este nas questões 344 a 360; o que pode ser de alguma ajuda para a melhor compreensão do ocorrido.

Nos esclarece a Doutrina Espírita que muitas vezes todos temos nossos compromissos, assumidos na espiritualidade, e necessitamos saná-los para seguir em nossa marcha evolutiva. Um caso destes não é exceção, minha irmã.

É, certamente, uma prova para os pais – que passam por dificuldades necessárias ao seu crescimento interior e, sabendo aceitar e confiar em Deus, saem deste processo mais unidos e ficam com a lembrança e a esperança de uma nova vida ser gerada, dando oportunidade ao irmão desencarnado de retornar novamente ao mundo físico.

E também é uma oportunidade do espírito que estava em processo de reencarnação se depurar fisicamente, deixando no vaso carnal algum defeito congênito ou problema perispiritual que possa ter tido quando de sua última encarnação; e transmitindo a este corpo físico, que ora não vinga, o espírito reencarnante se depura e se prepara para uma nova encarnação; na maioria das vezes na própria família que hoje sofre.

Esta aparente perda é de grande importância para ambos os lados da vida; no lado físico nos mostra a fragilidade e a oportunidade de estreitarmos nossos laços de afeto e carinho, bem como nossa submissão à sabedoria Divina que nada faz de inútil ou injusto; do lado espiritual é a oportunidade do espírito reencarnante “limpar” seu perispírito e se preparar para uma nova encarnação, com um corpo mais sadio, onde possa crescer no seio de dua família.

Na grande maioria dos casos o espírito reencarnante sabe que o corpo físico não vingará, e que sua ligação é apenas temporária; a mãe e o pai, embora não se lembrem, também são avisados e orientados, quando em desdobramento, sobre o que vai acontecer; em casos como este tudo acontece com a anuência de todos os participantes, embora não lembremos quando despertos.

Necessário se faz compreendamos que as decisões tomadas pelo espírito quando liberto do corpo físico muitas vezes nos parecem estranhas, pois quando estamos libertos do corpo temos uma clareza de pensamento muito maior; e consequentemente, temos melhor maneira de entender os desígnios divinos que nos regem e desejam o nosso bem.

Deve-se aproveitar este momento para orar pelo bebê. Pedir a Deus que a dê força e paz para vencer este novo desafio e agradecer pela oportunidade de poder ter auxiliado na libertação deste espírito que precisava de ajuda.

Abrir o coração em oração, porém sem desespero e sem rancor.

Estes sentimentos apenas irão prejudicar a pequena alma que iria reencarnar hoje e que voltará amanhã aos mesmos braços, certamente.

Os espíritos que se ligam a nós sentem as energias que enviamos e percebem o nosso estado mental e psíquico através de nossos pensamentos. Pense no bem, viva o bem, flua amor para este querido ser que se foi e ele, onde estiver, estará bem e vibrando esta boa energia de volta a você.

-fonte: blog/ Bom Espírito-

Anúncios
Esse post foi publicado em Artigos. Bookmark o link permanente.

Deixe-nos sua opinião, pois é muito importante para nós!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s